Pavel Lerner, um especializa em blockchain e criptomoedas reconhecido, foi libertado na semana passada por seus sequestradores após um resgate de US$ 1 milhão em Bitcoin ter sido pago. Os criminosos escolheram a vítima justamente por sua posição no mercado de criptomoedas e exigiram o dinheiro em Bitcoin para evitar rastreamento. Apesar disso, não ficou claro quem fez o pagamento.

Lerner foi levado por um grupo de homens encapuzados e colocado à força em uma van ao sair de uma casa de câmbio de criptomoedas na cidade de Kiev, capital da Ucrânia no dia 26 de dezembro. A polícia local vem investigando o caso, mas Lerner já foi libertado sem nenhum tipo de ferimento. O especialista trabalha na empresa britânica EXMO Finance.

A companhia emitiu um comunicado oficial sobre a libertação de Lerner, mas explicou que a vítima não faria qualquer pronunciamento oficial nos próximos dias. “No momento, ele está seguro e sem ferimentos. Ainda assim, Pavel está atualmente bastante estressado. Por isso, ele não fará nenhum comentário oficial nos próximos dias”, diz o texto.

De acordo com as autoridades ucranianas, esta é a primeira vez que um crime do tipo é registrado no país europeu com relação à Bitcoin. Vale destacar ainda que a notícia da libertação de Lerner começou a circular no momento em que governos de vários países tentam criar regras para evitar o excesso de especulação no mercado de criptomoedas.

Fonte: https://www.tecmundo.com.br/mercado/125769-sequestradores-liberam-refem-resgate-us-1-milhao-bitcoin.htm

 

%d blogueiros gostam disto: